FAT - "Para trabalhar no mundo gastronômico é preciso ter desejo e criatividade", diz o chef Serginho Jucá, durante evento promovido pela UMJ
Aguarde. Carregando informações.

http://www.fat-al.edu.br

"Para trabalhar no mundo gastronômico é preciso ter desejo e criatividade", diz o chef Serginho Jucá, durante evento promovido pela UMJ


Durante os dias 30 de junho e 1º julho, o curso de Gastronomia do Centro Universitário Mario Pontes Jucá – UMJ promoveu o 1.° Encontro Luso-Brasileiro de Gastronomia: Saberes e Sabores, um olhar para o segmento de A&B, evento realizado no canal da UMJ no YouTube que reuniu grandes nomes da área, como o chef de cozinha pela Escuela de Hotelería de Sant Pol de Mar em Barcelona e, atualmente, participante do reality "Mestre do Sabor", o alagoano Serginho Jucá, que é neto de Yeda Rocha, uma das quatro ícones da cozinha alagoana, as Irmãs Rocha. O encontro abordou o funcionamento do setor de Alimentos e Bebidas, conhecido como A&B, e a sua adaptação durante a pandemia do novo coronavírus.

"Eu tenho um carinho enorme pela Gastronomia, me formei no curso da UMJ e esse encontro fomenta uma discussão essencial para o segmento", comentou Mario Cesar Jucá no discurso de abertura. A coordenadora do curso de Gastronomia, Tina Purcell, reforçou a importância do evento. "Nesse momento de isolamento social, o setor de Alimentos e Bebidas precisou se adaptar. Durante o encontro, reunimos grandes especialistas em uma discussão sobre o olhar do profissional da Gastronomia para esse segmento, um momento ímpar para o futuro gastronômo", destaca.

“O mercado de vinhos durante pandemia” foi o tema que iniciou o encontro com o Enólogo e diretor comercial da empresa Magnum Vinhos Carlos Lucas para o Brasil, João Santos. "A Gastronomia precisou se reinventar para conter ou evitar os prejuízos nesse momento. O segmento do vinho mais simples foi uma área que apresentou um aumento no consumo durante a pandemia. Com isso, na compra mensal ou diária, o vinho estava presente na lista como item de consumo", esclarece João. O presidente da ABE – Associação Brasileira de Enologia, Daniel Salvador, deu continuidade à temática falando sobre "A Safra das Safras". E encerrando a noite, a doutora em Alimentação, Nutrição e Saúde, Lourence Cristine Alves, abordou o Fórum Nacional de Educação em Gastronomia: Ciência, Educação e Gastronomia. "O setor da Educação em Gastronomia vai sofrer algumas mudanças devido aos desafios que estamos enfrentando durante o isolamento social. Por isso, precisamos pensar em pautas que englobem todas as demandas que sofreram nesse período, inclusive a Base Curricular Comum", alertou.

No último dia do evento, Nuno Nobre, fundador da NNC, uma empresa de consultoria especializada na área alimentar, gastronomia e turismo, atualmente representada em Portugal e Espanha, falou sobre a Inovação em Gastronomia. "Agora o nosso desafio também é planejar o funcionamento desse ramo pós pandemia. Será necessário adotar medidas rígidas para evitar possíveis contaminações, como o distanciamento social, reserva de mesas, controle de higienização, entre outras", alertou. Pensamento compartilhado por Klaus Vidrik, especialista em Padrões Gastronômicos, que explicou sobre a importância das cozinhas tecnológicas durante a pandemia. Segundo ele, "futuramente vamos precisar trabalhar ainda mais com a cozinha de finalização, com proteínas pré-preparadas. Essa atitude pode reduzir o tempo de espera, o que diminui a superlotação nos restaurantes".

E ficou por conta do alagoano Serginho Jucá encerrar o evento destacando as peculiaridades da cozinha alagoana e sua trajetória na Gastronomia. “Para trabalhar no mundo gastronômico é preciso ter desejo e criatividade", destacou ele, que utiliza a criatividade como um diferencial de seus pratos. "O futuro profissional deve persistir e não desistir do seu sonho. Começamos com trabalhos mais simples, sempre almejando o sucesso dos nossos pratos. E conseguimos! Cozinhar é passar o nosso amor pela cozinha por meio das nossas receitas", finalizou.

GALERIA DE IMAGENS


Sistema Acadêmico

Acessar